Blog Nathfarma

Remédio natural para Alzheimer: saiba como prevenir a doença

Buscar um remédio natural para Alzheimer é uma das formas de tratar a doença que, uma vez que se instala, faz com que o paciente perca paulatinamente as lembranças de sua vida e das pessoas que estão ao seu redor

O surgimento do Alzheimer é muito doloroso tanto para quem está sofrendo seus sintomas quanto para seus familiares.

Por isso, além de terapias alopáticas fundamentais, é possível também contar com uma ajudinha dos remédios naturais. Vem ver.

Alzheimer: o que é?

O Alzheimer é uma doença causada pela morte gradual das células cerebrais. Uma vez que a doença se instale, o paciente tende a apresentar a perda das suas funções cognitivas, bem como da sua memória.

Com o avanço da doença, além dessas funções também temos o comprometimento das funções vitais do paciente.

O Ômega 8 é um complexo de gorduras saudáveis, que têm função anti-inflamatória, prevenindo doenças cerebrais e cardiovasculares 

Sinais e sintomas do Alzheimer

Os primeiros sinais do Alzheimer estão concentrados na perda da memória, na irritabilidade do paciente ao ser inquirido sobre algumas questões recentes e do passado. 

A dificuldade em encontrar as palavras em uma conversa corriqueira, a perda de motivação ou de iniciativa e sinais de depressão também fazem parte desse quadro de saúde. 

Saiba mais: Remédio natural para a pele: quais os melhores anti envelhecimento?

Em qual idade os sintomas podem ser percebidos?

Ainda que no imaginário coletivo o Alzheimer possa parecer mais comum com o avançar da idade, pesquisas recentes apontam que os sinais de que algo não vai bem podem surgir até 40 anos antes da perda da memória ser percebida pelos familiares.

Assim, é fundamental que o acompanhamento médico se dê por toda a vida de um paciente, não só quando o quadro é instaurado.

Remédio natural para prevenir o Alzheimer

Existem diversos tipos de remédio natural para Alzheimer e agora você poderá conhecer alguns deles e as suas funções.

Ômega 6

O ômega 6 tem papel fundamental na prevenção do Alzheimer e de outras doenças degenerativas, sobretudo aquelas relacionadas ao sistema cardiovascular e ao sistema nervoso. 

Esse é um tipo de gordura que protege as células do cérebro, retardando o quadro de degeneração.

Saiba mais: Inibidor de apetite natural: quais são as melhores opções do mercado?

Ômega 9

Tal como o ômega 6, o ômega 9 é uma gordura boa, presente em diversos tipos de alimentos, como peixes, algas e oleaginosas.

Sua função é altamente anti-inflamatória, prevenindo o surgimento do quadro degenerativo.

Vitamina do complexo B

De acordo com estudos coordenados pela Universidade de Oxford, altas dosagens de vitaminas do complexo B retardam o encolhimento do cérebro, evento causado pelo Alzheimer. 

Vitamina C

Cientistas da Universidade do Porto, em Portugal, detectaram um evento importante que diz respeito a remédio natural para Alzheimer. Por meio da suplementação de vitamina C é possível reduzir quadros neuroinflamatórios, reduzindo eventos de Alzheimer e Parkinson.

Saiba mais: Como aumentar imunidade: dicas para fortalecer o organismo

Vitamina D

A suplementação de vitamina D, quando estamos com níveis muito baixos dela em nosso organismo, é fundamental para a prevenção do Alzheimer ou o retardo do seu avanço. 

De acordo com um estudo recente promovido pela Universidade de Kingston, pacientes com Alzheimer apresentam baixíssimas dosagens da vitamina D. Assim, é fundamental que se faça a devida suplementação como forma de proteger nosso cérebro.

Antioxidantes

O envelhecimento precoce é também uma das principais razões para o surgimento do quadro de Alzheimer. 

Assim, um dos melhores tipos de remédio natural para Alzheimer consiste no consumo de alimentos antioxidantes ou de suplementação com esses nutrientes. 

Saiba mais: Melhor remédio manipulado para emagrecer: conheça as melhores fórmulas do mercado

Remédio natural para retardar os sintomas de Alzheimer

Experimentar remédio natural para Alzheimer é uma forma de retardar quadros mais graves da doença, que ainda não tem cura. 

Observe, a seguir, algumas coisas que podem te ajudar a prevenir ou mesmo atrasar quadros mais complicados da doença. 

Suco de maçã

A maçã é uma fruta mais do que parceira da nossa saúde. Podemos dizer que ela é fundamental. Pesquisas realizadas na Universidade de Massachusetts apontaram que beber o suco da fruta ou mesmo comer pelo menos duas por dia aumentam os níveis de acetilcolina no cérebro.

Outros antioxidantes também podem ser muito úteis para a manutenção da qualidade de vida e para deixar o Alzheimer e outras doenças degenerativas bem longe.

Linhaça

A linhaça é um alimento rico em ômega 3, que, segundo pesquisas, apresenta a proteção das nossas células cerebrais, diminuindo a chance do aparecimento de um quadro da doença degenerativa.

É um remédio natural para Alzheimer que pode ser consumido de diversas formas para proporcionar nossa saúde e bem-estar.

Banho de sol

O banho de sol faz a síntese da vitamina D em nosso corpo, sendo fundamental para que possamos manter nossa qualidade de vida. 

Além disso, proporciona bem-estar quando feito de forma moderada e cuidadosa, prevenindo os efeitos do envelhecimento precoce. 

Frutas cítricas

As frutas cítricas também podem ser consideradas um remédio natural para Alzheimer, sobretudo por conta do seu poder antioxidante.

Podem ser consumidas de diferentes formas, em sucos, sobremesas ou puras.

Peixes

Os peixes são alimentos ricos em ômega 3, 6 e 9 e indispensáveis em nossa alimentação. Você pode consumi-los de diferentes formas, sendo um alimento muito versátil e importante na prevenção de quadros de Alzheimer.

Saiba mais: Remédio natural para dormir: quando tomar e quais os melhores?

Suplementos vitamínicos

Os suplementos vitamínicos dão conta de repor em nosso corpo tudo aquilo que não ingerimos de nutrientes por meio da nossa alimentação e são importantes aliados da prevenção de doenças degenerativas.

Assim, podem ser considerados remédio natural para Alzheimer também!

Jogos de memória

Nosso cérebro pode ser entendido como um músculo: quanto mais exercitamos ele, mais força ele terá ao longo da vida.

Portanto, estimule-o com jogos, brincadeiras como caça-palavras ou palavras cruzadas.

Alzheimer tem cura?

Infelizmente, não há cura para o Alzheimer. No entanto, existem inúmeras formas de retardar o seu aparecimento e, ainda, seu agravamento.

É possível manter a qualidade de vida do paciente acometido pela doença, tornando seu ambiente mais saudável e contribuindo com o seu bem-estar.

Conclusão

Buscar por um remédio natural para Alzheimer pode fazer com que os efeitos da doença demorem mais para aparecer, além de serem mais amenos. 

Assim, é fundamental manter em dia uma nutrição balanceada e adequada, regulando, dessa maneira, a resposta do nosso corpo para lidar com o envelhecimento natural e progressivo, que pode estar associado às doenças degenerativas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Follow by Email
Instagram
Rolar para cima